Rss Feed Tweeter button Facebook button

zanzibar-mapMês que vem, maridão entrará nos ‘esta’, com corpo de 30 e cabeça de 50…tá bom, a segunda parte é mentira. Na verdade, a idade mental dele está mais para os 10. Um menino. Cheio de saúde, vontade de viver, trabalhador e muito, muito companheiro. Para comemorar a data, imaginei uma segunda visita a Veneza. Ele preferiu a Ilha da Madeira. Por fim, nem ele…nem eu.

1449Ganhou Zanzibar, lugar onde nasceu Farrokh Bulsara, nosso amado Freddie Mercury, destino que nem sonhávamos, mas como o marido não está a fim de pegar vôos longos, pensamos noutras alternativas, ficamos entre Seychelles e Zanzibar. Já estivemos na Tanzania em 2010 fazendo os melhores safaris de nossas vidas. Estamos apaixonados pelo arquipélago. Banhado pelo Indico, lindo de viver. Dez dias, em um resort pé na areia, ‘All Inclusive’. Escolhemos o Diamonds la gemma dell’est.

zanzibar-e1422563058529Creio que a escolha não poderia ter sido melhor. Fugimos do obvio.

the-rock_c-copia3-1000x507Poderemos conhecer vários lugares: The rock Restauranta casa onde Freddie Mercury nasceu e cresceu, a cidade de Pedra (Patrimônio Mundial)…um mar cuja cor é indescritível…enfim, serão dias fantásticos. Mal podemos esperar 😀

Beijocas e boa semana pós carnaval, para quem foi de carnaval.


Nos últimos anos, voltamos toda nossa energia para as reformas, a decoração, depois os jardins das casas Sol e Céu. Mas não nos esquecemos do nosso Recanto, que de quando em quando, ganha um carinho. Ele está por último em nossa lista de prioridades (pois não é para alugar), mas sonhamos em reformá-lo…pôr portas onde tem janelas, abri-lo para a vida externa. Esse dia chegará, enquanto isso, vamos fazendo o que está ao nosso alcance.

IMG_2689Tempos atrás, eu o pintei por dentro.

IMG_2688Tirei o turquesa das paredes que nos acompanharam por tantos anos.

IMG_2690E investi no branco.

IMG_2692Acender luzes durante o dia, numa região onde o sol não se faz de rogado, me mata.

FullSizeRender-18Nas últimas férias, a molecada se hospedou nele.

FullSizeRender-5E como estávamos fazendo os jardins das casas, optamos por dar um ‘up’ por lá também. Mantivemos as ixorás, que estão sempre vigorosas e o gramado judiado pela seca (mas que já está verdinho devido as últimas chuvas 😉  ).

FullSizeRender-7No entorno do coqueiro, buchinhos (Buxus sempervirens), seixos e casca de pinus.

FullSizeRender-8A fénix (Phoenix roebelenii) que morava no apartamento, se adaptou bem ao jardim.

FullSizeRender-9Pata de elefante (Beaucarnea recurvata) com seixos amarelos.

 FullSizeRender-10O bom de morar fora, é que jardim e quintal vão ganhando forma, sem que percebamos.

FullSizeRender-11Carinho nos detalhes 😉 aspargus, cactos, babosa e outras espécies, que não me recordo o nome.

FullSizeRender-15😀

FullSizeRender-17Ficamos felizes com o resultado, o próximo passo, será um redário.

IMG_2686E dar uma melhorada no quintal, cujas árvores frutíferas tem crescido e frutificado. Temos: pé de mexerica, pé de limão siciliano, jabuticabeira, pitangueira, pé de acerola, abacateiro, cajueiro, coqueiros,  banana da terra e banana ouro, pés de pupunha e um de frangipani que dá um cheirinho gostoso. Do lado de fora, ipês! Muito amor por esse lugar.

IMG_2687O próximo projeto, terá essa bela vista! Deus é bom, Deus é bom. Mas há que trabalhar para dar uma forcinha. Trabalhemos!

Beijocas e abençoada terça para nós 😉


26Se tem uma coisa que meu pai me deixou como ‘herança’, foi a capacidade de enxergar pequenos tesouros, em casas pelo qual quase ninguém daria nada. Ele tinha esse dom, transformava barracos em verdadeiros Lares, por mais simples que fossem. Capricho!

6A compramos em meados de 2012, estava destruída…pelo tempo e pela falta de cuidado. De início, só pudemos limpa-la e pinta-la…de cara, já ficou fofa. A alugamos, nos hospedamos nela. Até que chegou o momento de reforma-la.

2Confesso que conforme as fotos da obra iam chegando, meu coração acelerava de medo e incerteza. Será que ficará bom? Estamos certos em investir nossos sonhos e economias aí, ao invés de construir algo novo? Será que ela perderá a identidade?

IMG_2685Gostaríamos que ela mantivesse a essência da casa de outrora, meio fora de esquadro, com curvas, com história. Mantivemos a escadaria, com seus degraus nem um pouco uniformes, mas que amamos justamente por sua imperfeição 😉

julhonv (255)Com o tempo o medo foi dando lugar à ansiedade.

julhonv (130)E depois a alegria, a batizamos ‘Casa Céu’…nosso céu, nosso sonho!

julhonv (163)Já nos hospedamos nela pelo menos umas três vezes.

julhonv (57)E agora a liberamos para receber hóspedes.

julhonv (88)Nossa primeira casa para alugar. A primeira casa da nossa Vila.

jardimcasamaior (9)Um pequeno jardim, emoldura a varanda. Palco de tantas conversas.

7Nosso Paraíso particular, dividido com vocês.

5Tem muito amor e trabalho envolvidos.

A Casa Céu, grande como colo de Mãe, foi decorada com adornos africanos e indígenas. Recebe confortavelmente, duas famílias. Conta ainda com um pequeno jardim e pomar.

Descrição da casa:

  • Piso superior – 1 suíte, com cama de casal e ventilador de teto. 1 quarto com duas camas de solteiro e ventilador de teto. 1 banheiro social. Ampla sala com sofás e TV.

  • Piso inferior – 1 quarto com cama de casal e ventilador de teto, 1 quarto com três camas de solteiro e ventilador de teto. 1 banheiro social.

  • Cozinha americana integrada com a sala de jantar.

  • Chuveirão, varanda, jardim e pomar.

  • Lavanderia.

  • Alarme.

  • Capacidade: 9 pessoas.

  • Área total: 181.03m2.

Temos feito muitas pesquisas, para poder por em prática nossos novos projetos. Estamos felizes, ansiosos, animados, eufóricos. Essa vila é um projeto de vida para o nosso futuro. Daqui a pouco tempo, teremos três filhos independentes. Restará nós dois e esse Paraíso!

Lambuze-se de Vida

Não coma a vida com garfo e faca, lambuze-se.
Muita gente guarda a vida para o futuro.
Mesmo que a vida esteja na geladeira,
se você não a viver, ela se deteriora.
É por isso que muitas pessoas se sentem
emboloradas na meia-idade.
Elas guardaram a vida, não se entregaram ao amor,
ao trabalho, não ousaram, não foram em frente.
Depois chega um momento em que se conscientizam:
“Puxa, passei fome para guardar batatas
e elas apodreceram”.
Hoje em dia as pessoas orientam sua vidas
baseadas em idéias e métodos que já não tem
relação com a própria existência.
Elas não se alimentam corretamente porque
sentem medo de tudo: de engordar, de emagrecer,
dos agrotóxicos, da contaminação, dos malefícios
para essa ou aquela doença.
Quando se sentam à mesa, afirmam que precisam
comer carne porque contém proteína,
tomar leite porque contém cálcio.
Elas precisam comer isso ou aquilo.
Quase ninguém come sem culpa.
Todo o mundo se alimenta seguindo alguma moda.
O alimento deixou de ser comida
e se transformou em medicamento.
Solte sua alma, seja você.
Tenha consciência de que, se estiver em paz
consigo mesmo, você comerá carne quando tiver
vontade e não porque alguém disse que é bom ou ruim.
Você não come açúcar porque está satisfeito
e não porque ele é tido como nocivo à saúde.
Mergulhe totalmente na vida.
Chupe a laranja e tire todo o caldo.
Quando a morte chegar encontrará somente o bagaço.
Nada do que você deveria desfrutar estará contido
no bagaço, nada do que precisaria viver restará.
Não deixe sua vida ficar muito séria.
Viva como se estivesse num jogo,
saboreie tudo o que conseguir, as derrotas
e as vitórias, a força do amanhecer e
a poesia do anoitecer.
Brinque, mas brinque muito.
A felicidade é feita de muitos sorvetes. (Roberto Shinyashiki, da obra “O sucesso é ser feliz”)


IMG_2550Até pouco tempo a chamavam: barracão. E apesar dela estar destruída, isso me causava certa revolta. Como assim barracão? Eu, teimosa, a chamava de Casinha, anexo, edícula, mas nunca…nunca…barracão. Sentíamos por ela um amor especial. Enxergávamos nela um charme que os outros não viam.

IMG_2541Tão judiada pelo tempo!

IMG_2542Umidade e cupins a comiam, literalmente.

IMG_2545De início, só pudemos limpá-la, e pintá-la. Ainda assim, a chamavam: Barracão.

 IMG_2285Foi a última a ser reformada.

IMG_2618Mas a primeira a ganhar jardim.

IMG_2621Cactos e suculentas, se juntaram para dar vida à casinha.

IMG_2332Que agora se chama Casa Sol, uma referência ao piso de cimento queimado amarelo em toda área interna.

IMG_2620Ficou tão charmosa.

IMG_2333Alegre!

IMG_2334Receptiva!

IMG_2617Uma fofa!

IMG_1970Na suíte do piso superior, chita alegra o ambiente.

IMG_2619A porta, que outrora a fechava, agora tornou-se cabeceira.

IMG_2605No quarto do piso inferior, seguimos o mesmo padrão.

IMG_2606A arara foi herdada na compra da casa, a TV e a cômoda, vieram da Zâmbia.

IMG_2607Ficou charmosa que só.

IMG_2609A pequena cozinha é um ambiente super gostoso para cozinhar e bater papo.

IMG_2610Artesanatos simples, colorem o espaço da Casa Sol, feita na medida para dois casais. Decorada com elementos bem brasileiros, onde redes e um mar delicioso, esperam por vocês.

Descrição da casa:

  • 1 suíte no piso superior com varanda, com uma cama de casal e uma cama de solteiro, TV, frigobar, rede e ventilador de teto;

  • 1 quarto com banheiro, no piso inferior. Com uma cama de casal, TV e ventilador de teto;

  • Cozinha americana;

  • Varanda com jardim e chuveirão;

  • Alarme;

  • Capacidade: 5 pessoas;

  • Área Total: 131,47m2.

IMG_2615Tudo nessa vida requer trabalho, investimento de energia, paciência. Nada cai do céu, exceto essa exuberância de vida, que Deus nos dá. E que por vezes, teimamos em jogar fora, desperdiçar…

IMG_2614Marido e eu nos hospedamos nela. Passamos quinze dias ‘chamegando’, ‘carinhando’, arrumando tudo para receber sua família, num Lar! Entrem, sintam-se a vontade, sejam Feliz!

www.vilaperuipe.com.br


No final da nossa estada no Brasil, optamos por passar uns dias sem fazer nada além de contemplar, amar e comer. Sem compras e poucos cliques…só nós dois! IMG_6333Passamos por Congonhas, mais precisamente no Santuário de Bom Jesus do Matosinhos, onde contemplamos a maravilhosa Basílica, cujo adro ostenta os doze profetas, entalhados em pedra sabão, por Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho. Logo a frente, as seis capelas que compõe o Jardim dos Passos, são 66 figuras esculpidas em cedro rosa, de uma beleza indescritível. Para observar os detalhes e entender melhor um pouco mais sobre esse patrimônio, visitamos o recém inaugurado Museu de Congonhas, amamos! Depois, seguimos para a Serra do Cipó. Para descansar nossos corpos cansados e queimados pelo sol, escolhemos a Capim do Mato Pousada & Spa Home. Uma pousada adepta do ‘Less is more’.

“Privilegiamos o equilíbrio e a originalidade. Nosso luxo se reflete nos detalhes, muitas vezes simples, mas nunca supérfluos, que levam você a conectar com o entorno, e não se isolar dele. Um projeto orgânico que toma emprestado formas da própria paisagem, misturando às cores e a beleza do local, com estilo generoso e descompromissado. Com apenas cinco acomodações cercadas de charme, conforto e privacidade, nosso conceito e filosofia se resumem em experiência com exclusividade. Pousada membro do seleto grupo dos melhores hotéis e spas de luxo do mundo, Condé Nast Johansens“.

Bangalô Luxo, nossa acomodação.Bangalô luxo, nossa acomodação.

IMG_6380Descanso merecido, depois de um ano de muito trabalho e incertezas.

 IMG_6353Depois de uma noite de sono que nos restaurou as energias, fomos em busca de uma agência de turismo, escolhemos a Bela Gerais. O guia Fábio, nos levou para fazer SUP no rio Cipó. Passeio tranquilo, com direito a visualização de aves e famílias de capivaras.

IMG_1074Depois do almoço, optamos por conhecer três cachoeiras. Essa da foto, é a do Tomé. Tomamos banho na Cachoeira da Chica e visitamos também a Cachoeira Grande. No outro dia, saímos cedo para visitar a Lapinha da Serra, percurso este feito em um 4×4. De barco (a remo), partimos para conhecer um Sítio Arqueológico com pinturas rupestres. A idéia era subir até uma Cachoeira (esqueci o nome), mas a chuva não deu trégua. Na volta, molhados mas felizes, comemos aquela comida mineira feita em fogão a lenha. Dos Deuses!

Saímos de BH na quarta, o aeroporto já estava conturbado por causa do mau tempo, ainda assim conseguimos voar para Sampa sem maiores problemas. Já a mamãe, que embarcaria no sábado, não teve a mesma sorte. Ficou presa em BH até essa segunda. A Azul, deu todo apoio necessário a ela (hotel, refeições e traslados) não é atoa que atualmente, em nossa opinião, é a melhor empresa aérea do Brasil. A Gol, alterou todos os vôos de retorno para o MT que compramos (seis no total) e um do marido de Sampa para Vitória (acabou que ele teve que dormir por lá, adivinha quem custeou hotel e jantar? Nós! Fuén, fuén, fuén).

Agora é hora de sossegar por dois meses e já ir preparando o próximo roteiro, estamos na dúvida entre a Ilha Madeira e o Kalahari, ou sabe-se lá o que Deus no reserva.

Beijocas e que tenhamos todos uma abençoada quarta-feira.


Cá estamos nós, em 2016…eu e ele. Congo. Período de plantio! De novembro para cá, muita água passou por debaixo da ponte. Fiz meu check up (estou bem, obrigada), recebemos a família, fechamos negócios, comemoramos a Formatura da mana e enfim, tivemos aquele período sabático…meu e dele. Dele e meu. Foi tudo ótimo! Estamos felizes!

Para esse primeiro trimestre de 2016, trabalho. E lá vamos nós, nessa nave louca, chamada VIDA! E se recordar é viver, recordemos…vivamos.

IMG_63362015 terminou com uma colisão…um busão me pegou sobre a terceira ponte. Acabamos saindo do Doblò e entrando em um Jimny. É como sair de um duplex para uma quitinete. Mas tudo ficou bem, o carrinho (velho conhecido nosso, tínhamos um, aqui no Congo), não fez feio nas férias. Só precisei fazer mais viagens para a Bahia, levando tralhas 😀IMG_6145Depois que a turma toda chegou, foi só festa! Meu aniversário, Natal, Ano Novo…passeio de barco pela Ilha de Barra Velha 😉 eta turma porreta!

IMG_0918No meu aniversário, a gastrônoma da família, fez um ‘brunch’ para comemorarmos. Ficou tudo muito gostoso e caprichado. Ela voltou para a África do Sul, mês que vem começará uma pós em Patisserie.

 IMG_0992Comemoramos o Natal no quintal, sob a lua cheia. Cercados de amor e simplicidade.

IMG_0038O ano novo seguiu o mesmo princípio do Natal. Simplicidade, amigos, um churrasquinho, reggae e uma queima de fogos observada do quintal, feita na Pousada do vizinho.

IMG_9836Um dia antes da turma começar a debandar, fizemos um passeio de barco, pela Ilha de Barra Velha. Super recomendo. Contratamos o pessoal da Abrolhos Sub.

IMG_9840Turma linda e animada!

IMG_9841Até a sogra e a mamãe, que sofrem com passeios de barco, foram e amaram 😉

jardimcasamenor (30)Contratamos a Jardinagem Ramos e Flores, de Mucuri, para executar o jardim das três casas. Optamos por suculentas e cactos, mais fáceis de manter. A casa Sol, ficou linda! Eu e marido, nos hospedamos nela. Está pronta para receber os hóspedes no verão, no inverno (quando as jubartes vem para o Sul da Bahia) 😀 o ano todo, porque a região é linda!

jardimcasamaior (9)Já a Casa Céu, teve o entorno da varanda valorizado pelo paisagismo. Fumiga adorou!

 jardimrecanto (8)Até o Recanto, ganhou um ‘up’ no jardim!!!

Aos poucos, as casas foram esvaziando. Um a um, tomando seu rumo, até chegar nossa vez. Antes de virmos embora, passamos por Minas, para dar um cheiro na família que não pode comparecer nas festividades de final de ano e comemorar a Formatura da mana. Coroamos nossa estada no Brasil, com alguns dias de ‘dolce far niente’ na Serra do Cipó, mas aí já é história para outro post.

Beijocas, que 2016 seja mais que supimpa!

7


Estou aqui, organizando a casa e a mala, mais uma vez. Viajando sozinha, mais uma vez. De inédito, só a mala…pela primeira vez, viajarei apenas com mala de bordo. Com o horário de verão, terei pouco tempo para pegar meu vôo para o ES. Friozinho na barriga. Depois de quase uma década, ainda sinto, acredita? Faço esse caminho de olhos fechados, mas o friozinho na barriga, está lá. A agenda está lotada, médicos na primeira semana (dia 27, fará um ano do transplante…) o tempo voa. Depois, Bahia. Arrumar as casas para receber a família. Coisa boa família, não?! Pai, mãe, irmãos, sobrinhos, neto, amigos. Em dezembro, eles chegarão…toca voltar para o ES. Passarei o dia 19 e 20 no aeroporto :-) ah, dia 20/12…Bodas de Aço. Com tanta gente no apê, não teremos espaço nem para respirar, quanto mais para namorar…não tem importância. Na sequência, pegaremos estrada. Na Bahia, haverá espaço para todos. Lotação nas três casas! Muito amor. Janeiro: Minas. Colação da mana. Mamãe ficará orgulhosa, e nós também. E assim, num piscar de olhos…a vida passa! Nada melhor do que amar e ser amado…dizer e demonstrar, todos os dias. Tratar bem, querer bem. Para coroar nosso final de ano e o início de 2016, que será maravilhoso…marido e eu, passaremos alguns dias na Serra do Cipó. Passeio romântico, para manter a chama. Escolhemos a Capim do Mato lembra que eu disse que dia 20/12 será nosso aniversário de matrimônio? Pois é…celebraremos aí, nesse paraíso. Porque a vida, é boa! É boa!

Foto: http://www.zarpo.com.br/pousada-capim-do-mato/pousada-de-luxo-minas-gerais4359.html

Foto: http://www.zarpo.com.br/pousada-capim-do-mato/pousada-de-luxo-minas-gerais4359.html

7

6

5

11Beijos, bom final de semana…feriado, para quem é de feriado e até logo mais, assim que eu tiver novidades…apareço por aqui.


O blog funciona como um diário virtual. Aqui costumo escrever sobre nossas experiências, nosso dia a dia, nossas viagens, família, sonhos…e sempre recorro aos arquivos, para verificar aquela receita…aquele endereço, aquela foto…tenho observado como o meu humor mudou nesses últimos anos, como tenho escrito menos, fotografado menos, mesmo tendo feito um monte de coisas. A partida do meu pai, o transplante da minha irmã, a obra, creio que tudo isso levou um pouco do meu bom humor. Ou talvez eu tenha virado uma mocinha (senhora quarentona…abafa). O fato é que eu adoro esse espaço. E sempre que sinto necessidade, venho aqui para ler ou escrever. Vivemos tantas emoções nos últimos meses, fizemos quatro viagens maravilhosas. Para Maurícius, em janeiro. Trairí no Ceará, em março. Pilanesberg na África do Sul, em junho e Gramado no Rio Grande do Sul, em agosto. Tanta coisa em tão pouco tempo, sem contar o vai e vem entre o ES e a BA. Noutro dia, estava montando nosso calendário para o próximo ano, com programação para duas viagens internacionais e duas nacionais. Aí a caçula me disse:  Nossa mãe, a senhora é tão organizada! Eu ri, não é que eu seja organizada, é que se eu não anotar tudo o que se passa por essa minha cabecinha inquieta, eu esqueço…e se eu esqueço, eu fico ainda mais inquieta. É um tal de escrever, marcar, desenhar e sonhar…ah, como eu sonho! Estamos cheios de projetos para o próximo ano, queremos expandir nossa Vila e provavelmente, teremos reforma…ôh meu Pai! Haja sanidade. Tenho navegado bastante, arquivado ideias. Feito desenhos. Tentando criar o logotipo da Vila (maridão baixou o Inkscape para mim). Ando ansiosa. Talvez seja a proximidade com a ida para o Brasil…enfim, as ideias estão meio desconexas e é preciso respirar, meditar, acalmar o coração. Porque as coisas se organizam e se encaixam. Então, vamos que vamos. E que todos os Anjos digam Amém!

midias (1)Trabalhando no Inkscape…e mais dois celulares na mão, um com o perfil da Vila, outro com o da @fuluxuosa capaz de uma hora dessas trocas as bolas. Por a Fu no meu perfil pessoal, a Vila no perfil da Fu…rsrsrsrsrs.

midias (3)As fotos do Instagram são de nossa autoria e tenho tentado mantê-lo com atualizações diárias e sempre, personalizadas 😉

midias (4)A importância das redes sociais na divulgação.

midiasO site da Vila Peruípe, ficou a cargo do maridão.

midias(5)E tem também o Twitter, o Pinterest haja foto e criatividade.

2016 promete, ‘rumbora’ trabalhar. Porque segundo John Steinbeck: “A arte do descanso é uma parte da arte de trabalhar”. 

Acho que precisamos de férias…rsrsrsrsrsvilaperuipe12

Beijos e abençoada quarta-feira 😀


vilaperuipe8Go to Bahia! Go to Vila Peruípe! Quem é que vai para terra brasilis daqui a pouco? Quem, quem, quem? Euzinha! Vou terminar de organizar tudo para o Final do Ano. Finalmente vamos tirando do papel e do campo dos sonhos, a nossa Vila. Esse final de ano, a estrearemos com a família. E a partir do dia 09 de janeiro, a colocaremos para alugar. Para o próximo anos, temos muitos projetos, muitas novidades e é claro, muito trabalho. Usaremos o tempo que temos aqui, em solo africano, para divulgar sem pressa. Fazer uma clientela bacana, que faça o famoso ‘boca a boca’…importantíssimo para um pequeno negócio. Criamos a página da Vila Peruípe: http://www.vilaperuipe.com.br/ perfil no FB: https://www.facebook.com/vilaperuipe e no Instagram: https://instagram.com/vila_peruipe/ deem uma espiada e se agradar, sigam. Obrigada pelo carinho e força de sempre, sempre!!! 😉

12Quando Cabral descobriu no Brasil o caminho das índias
Falou ao Pero Vaz para caminhar escrever para o rei
Que terra linda assim não há, com tico-ticos no fubá
Quem te conhece não esquece que o Brasil é com S

O caçador de esmeraldas achou uma mina de ouro
Caramuru deu chabu e casou com a filha do pajé
Terra de encanto amor e sol
Não falo inglês nem espanhol
Quem te conhece não esquece meu Brasil é com S

E pra quem gosta de boa comida aqui é um prato cheio
Até Dom Pedro abusou do tempero e não se segurou
Ó natureza generosa esta com tudo e não está prosa
Quem te conhece não esquece meu Brasil é com S

Na minha terra onde tudo na vida se da um jeitinho
Ainda hoje invasores namoram a tua beleza
Que confusão veja você, no mapa mundi está com Z
Quem te conhece não esquece meu Brasil é com S

(Brasil com S – Vinícius Eliud)


1Os dias tumultuados ficaram para trás, marido voltou para a rotina de trabalho e eu, também. A Vila ficou tão vazia…engraçado que assim que os vôos saíram, caiu uma chuva torrencial. Como que despedindo daqueles que voltaram para suas casas. A vida segue…

2Final de semana foi de jardinagem. Marido semeou sementes de melancia e quiabo. E eu, plantei gerânios no jardim.

3Com essa chuva que caiu, pudemos voltar a usar a varanda. Diminuiu a poeira e ganhamos adornos novos, como os quadrinhos e a lanterna que ganhamos de uma amiga peruana.

4Quem planta árvores, colhe alimento. 
Quem semeia flores, colhe perfume. 

Quem semeia o trigo, colhe o pão. 
Quem planta amor, colhe amizade. 

Quem semeia alegria, colhe felicidade. 
Quem planta a vida, colhe milagres. 

Quem semeia a verdade, colhe confiança. 
Quem planta fé, colhe a certeza. 

Quem semeia carinho, colhe gratidão. 
No entanto, há quem prefira, 

Semear tristeza e colher desconsolo. 
Plantar discórdia e colher solidão.

Semear vento e colher tempestade. 
Plantar ira e colher desafeto. 

Semear descaso e colher um adeus… 
Plantar injustiça e colher abandono. 

Somos semeadores conscientes, 
Espalhamos diariamente milhões de sementes ao nosso redor. 

Que possamos escolher sempre as melhores, 
para que, ao recebermos a dádiva da colheita farta, 

Tenhamos apenas motivos para agradecer.

Autor desconhecido (retirado da página: http://www.cadadia.net/secao/poesia-e-cia/semear-995 )

5Fotos da BA: Tania Celeste

A vida segue…continuamos com os nossos projetos. A Bahia nos aguarda. Em dezembro, tem encontro com a família quase completa. Deus é bom, Deus é bom!!!

Beijos e boa semana 😉

© 2016 Epa e Taia pelo mundo Suffusion theme by Sayontan Sinha